Justiça anula resultado da eleição da mesa diretora da câmara de Orocó e dá prazo de 30 dias para que seja realizado novo pleito

O Juiz de Direito da Comarca de Orocó, Dr. Frederico Ataide Barbosa Damato, decidiu pela nulidade do processo eleitoral do dia 14 de dezembro de 2018, onde foram eleitos os vereadores: Patricio do Projeto para presidente, Valkiria Amando para vice-presidente e Ismael Lira para secretário, da mesa diretora da câmara de vereadores de Orocó. Na decisão o Magistrado dá o prazo de 30 dias, a conta desta data para que seja realizada nova eleição.

A eleição para escolha dos membros da mesa diretora da câmara de vereadores de Orocó, foi realizada no dia 14 do mês de dezembro de 2018. Na oportunidade os vereadores Patricio do Projeto, Valkiria Amando e Ismael Lira, foram eleitos para os cargos de presidente, vice-presidente e secretário, respectivamente com os votos dos três em chapa única. Os vereadores da base governista, sendo a maioria da casa no total de seis não concordaram com a forma como o processo foi conduzido e entraram com pedido de anulação da eleição na justiça.

Sendo assim, a eleição para escolha dos membros da mesa diretora da câmara de vereadores de Orocó, deverá ser realizada até o dia 15 de março deste ano. Fica por tanto, a parte coatora, nesse caso a vereadora Maria Valkiria Amando, responsável por realizar a eleição nesse prazo conforme determinação da justiça.

Do Blog do Didi Galvão.

Everaldo

Licenciado em Física pelo Instituto Federal do Sertão Pernambucano. Professor de matemática e física do Ensino fundamental e médio da rede estadual de Pernambuco. Jornalista registrado sob o número 6829/PE, o blogueiro Everaldo é casado com Amanda Scarpitta e pai de duas filhas lindas, Kassiane e Kauane. O foco principal do blog é informação com responsabilidade e coerência, doa a quem doer!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta