Esse poderá ser o resultado da união do Solidariedade com o DEM.

A palavra mais usada entre os dois grupos da oposição em Lagoa Grande é união! De um lado o Solidariedade de Daniel Torres, do outro, o DEM de Robson Amorim, todo mundo sabe que os dois grupos andam como água e óleo, ou seja, um tem aversão ao outro. Mas a qualquer momento um processo químico político pode ocorrer, e haver uma interação entre os dois produtos, ou melhor, partidos.

Quando isso ocorrer, se ocorrer é claro! A configuração da chapa será Italo de Vilma (SD), na cabeça e Henrique Diniz na vice. Essa possibilidade é a mais viável, afinal, unirá a experiência de Ítalo com a então inexperiência de Henrique. Claro, jovem ainda, independente do resultado do pleito, Diniz sairá forte para 2024.

O blog traz agora como será a provável imagem na tela da urna no dia 04 de outubro, caso os dois grupos da oposição deixem o fator unitário de lado e de fato ponha em xeque a unificação tão almejada por ambos.

Everaldo

Licenciado em Física pelo Instituto Federal do Sertão Pernambucano. Professor de matemática e física do Ensino fundamental e médio da rede estadual de Pernambuco. Jornalista registrado sob o número 6829/PE, o blogueiro Everaldo é casado com Amanda Scarpitta e tem como foco: informação com responsabilidade e coerência.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta