Traidores ou escolha partidária? Filiados do PV de Lagoa Grande ignoram sigla e vão votar no candidato do PSB.

O Partido Verde (PV) vai realizar na próxima sexta (05) sua convenção, nela, os candidatos à prefeito, vice-prefeito e vereadores terão suas candidaturas homologadas, ou seja, ambos estarão aptos a disputar o pleito, mas um fato curioso chama atenção, dos 24 filiados ao partido no município de Lagoa Grande, alguns não votam no pré-candidato Sandro Patrício (PV) e nem vão acompanhar a coligação!

Em uma pesquisa feita no site do TSE, o PV conta com 24 filiados. O blog fez o levantamento, no mínimo 4 filiados ao PV, vão votar no pré-candidato Dhoni Amorim (PSB). Joaquim Ramos Coelho (Vereador da situação), José Varonildo dos Santos Ramos (Professor), Vando da Conceição Lopes (Seduc) e Joel Nogueira dos Santos (Seduc). A escolha desses filiados devem desfalcar e comprometer o pré-candidato Sandro.

Daí surge uma pergunta, tal escolha não passaria de uma traição ao PV? Nos últimos dias, o deputado Lucas Ramos foi taxado de traidor quando subiu ao palanque do PMDB, ao invés de escolher o de Dhoni do PSB. Não seria dois pesos e duas medidas? O que houve com o deputado Lucas também vai acontecer com os citados acima! Filiados a um partido e vão estar engajados a eleição de um candidato de outro sigla.

Na verdade isso é coisas da política, nesse meio surge cada coisa inacreditável!

Everaldo

Licenciado em Física pelo Instituto Federal do Sertão Pernambucano. Professor de matemática e física do Ensino fundamental e médio da rede estadual de Pernambuco. Jornalista registrado sob o número 6829/PE, o blogueiro Everaldo é casado com Amanda Scarpitta e tem como foco: informação com responsabilidade e coerência.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta