Prefeitura começou a recolher animais pelas ruas. Soltura só com pagamento de taxas e multas

Não deveria, mas já virou cena do cotidiano, proprietários criando os seus animais, cavalos, jumentos, porcos, cabras soltos pelas ruas, trazendo transtorno para o transito, podendo ocasionar graves acidentes, além de deixar a cidade visualmente poluída. A população reclama e turistas que visitam a cidade levam as piores imagens da capital da uva e do vinho do Nordeste. A Prefeitura de Lagoa Grande começou, desde o dia 03, a tomar medidas mais rígidas para coibir os animais nas ruas e avenidas da Sede e dos Distritos.

Seguindo a determinação do Prefeito Vilmar Cappellaro, o secretário da Agricultura e Desenvolvimento do Interior, começou a fazer as apreensões dos animais na área urbana da Sede e nos Distritos de Vermelhos e Jutaí. “O Prefeito Vilmar, sempre nos orientou a buscarmos a conscientização e a sensibilização dos criadores destes animais, mas isso não tem resolvido então, começamos a recolher. Uma vez apreendido o animal, o proprietário terá 05 dias para a sua retirada com o pagamento de multas e taxas de estadias. Após este prazo, a Prefeitura tomará outras medidas cabíveis” garante Reginaldo Alencar.

ASCOM

Everaldo

Licenciado em Física pelo Instituto Federal do Sertão Pernambucano. Professor de matemática e física do Ensino fundamental e médio da rede estadual de Pernambuco. Jornalista registrado sob o número 6829/PE, o blogueiro Everaldo é casado com Amanda Scarpitta e tem como foco: informação com responsabilidade e coerência.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta