Estudantes universitários de Lagoa Grande estão se reunindo para realizar uma manifestação nesta terça (14)

3 min read
Após varias reuniões, estudantes universitários de Lagoa Grande não ficaram nada satisfeitos com os dois...

Após varias reuniões, estudantes universitários de Lagoa Grande não ficaram nada satisfeitos com os dois ônibus ofertados pela prefeitura de Lagoa Grande, para piorar a situação, na primeira semana da oferta do serviço, um dos veículos quebrou e não fez o percurso durante alguns dias.

Com isso, os estudantes universitários vão realizar amanhã (14), um movimento para reivindicar a prestação do serviço com qualidade. O evento terá uma concentração as 17h, em frente a Prefeitura Municipal de Lagoa Grande, de lá os universitário marcharão por varias ruas da cidade até a Câmara Municipal de Vereadores onde participarão da sessão e vão apresentar as reivindicações.

Veja a Nota de repúdio enviada ao Blog do Everaldo pela Comissão Estudantil Municipal.

Nós da CEMU (comissão estudantil municipal), juntamente com toda a classe estudantil que reside no município de Lagoa Grande, e seus distritos, repudiamos veementemente a falta de ação e comunicação por parte do poder executivo municipal no tocante à oferta e disponibilidade de transporte estudantil. Desde a primeira semana de janeiro que nós, alunos, tentávamos obter respostas por parte de membros do poder municipal, obtivemos uma reunião com o Sr. Prefeito Vilmar Capellaro, onde o mesmo alegou dificuldades financeiras e procedimentos licitatórios, não nos dando respostas sobre a causa.

Após diversas tentativas, nos reunimos e criamos a CEMU, para que assim um grupo pudesse está à frente na busca de obter uma resposta, e, além disso, apresentar soluções viáveis. Apresentamos um projeto de lei, o qual estamos a dias coletando assinaturas para que seja possível sua aprovação. Após nossa articulação, fomos procurados pelo então vice-prefeito Ítalo Ferreira, onde estivemos reunidos com o mesmo, a vereadora Edneuza Lafaete, o vereador Mantena e o Secretário de Educação Willian César… Nesta, nos foi pedido um prazo de até quinze dias para que emergencialmente fosse disponibilizado transporte para o turno da noite e consequentemente ser analisada uma solução para os demais turnos.

Marcamos outro encontro para o dia 2 de fevereiro, onde o poder executivo pediu o cancelamento da mesma, dias antes, sem remarcar. Desde então estamos tentando contato, porém sem obter nenhum retorno. Ontem, dia 9 do mês em curso, apenas um ônibus que suporta 42 pessoas, esteve atendendo aos alunos de vermelhos e consequentemente da sede, gerando uma superlotação e deixando diversos alunos incapacitados de irem, uma vez que não havia possibilidade de todos ingressarem no veículo. Recentemente foi ao ar na TV Grande Rio, uma matéria sobre nossas dificuldades, o que levou algumas pessoas a pensarem que o ato de ontem foi uma represaria da atual gestão, porém preferimos acreditar em um ato de incompetência administrativa e organizacional, uma vez que não houve comunicação por parte da SEDUC ou de qualquer outro órgão.

Tal incompetência é notável ao longo dos dias que se passam, sendo que todos os universitários estão sendo prejudicados, tendo de arcar com valores diários que variam de sete (07) a dez (10) reais por dia. Já fizemos uso da tribuna da câmara do município, onde pedimos o apoio do legislativo a nossa causa. Cabe ressaltar que é promessa de campanha e consta no plano de governo da atual gestão, a melhoria do transporte universitário. Ao longo destes mais de sessenta dias de governo, diversas conversas surgiram, de diversas fontes, porém preferimos fugir do que rege o contexto político partidário, uma vez que somos apartidários e lutamos pelo bem comum e favorável aos estudantes e a toda a sociedade.

Esperamos que o governo atente-se para a realidade e busque soluções viáveis; nós estamos na tentativa de ajudar, porém não estamos conseguindo uma simples reunião. Caso continue assim, é certo e aceitável dentre todos os alunos, um ato de manifestação pública com a presença da mídia local para chamarmos os gestores a realidade.

Sem Mais, ficamos no aguardo e na luta.

#DireitodoEstudanteDeverdoGovernante

CEMU – Comissão Estudantil Municipal

Deixe uma resposta