Comissão é criada para fazer pente fino em supersalários de servidores

Pouco antes de instalar a comissão que examinará os salários de servidores públicos que recebem acima do teto constitucional, o presidente do Senado, Renan Calheiros, destacou a importância do colegiado, que terá como relatora a senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) e contará com um prazo de 20 dias para trabalhar.

Essa comissão do extra teto objetiva exatamente levantar em todos os poderes da República quais são os salários acima do teto,  para estabelecer uma regra rapidamente e resolver também a desvinculação dos subsídios dos ministros dos tribunais superiores com a administração como um todo, inclusive com os estados — afirmou ele.

De acordo com Renan, há servidores recebendo até R$200 mil por mês, em razão da falta de regras rígidas para disciplinar o assunto. Referindo-se à falta de receita do Rio de Janeiro para pagar a folha de pessoal, ele comentou:

Esse episódio do Rio de Janeiro é um horror.

Logo ao chegar ao Senado, em entrevista aos jornalistas, Renan Calheiros disse que não tem sentido o Legislativo fazer a reforma política e não fazer também a reforma do gasto público e da Previdência.

Não tem sentido que esses sacrifícios não sejam distribuídos com a sociedade e que tenhamos no Brasil segmentos inatingíveis. Então é preciso conter a gastança no sentido de pagar salários milionários — declarou o presidente do Senado.

https://www.youtube.com/watch?v=rUNIn8_WdDg

Everaldo

Licenciado em Física pelo Instituto Federal do Sertão Pernambucano. Professor de matemática e física do Ensino fundamental e médio da rede estadual de Pernambuco. Jornalista registrado sob o número 6829/PE, o blogueiro Everaldo é casado com Amanda Scarpitta e tem como foco: informação com responsabilidade e coerência.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta