Vereadores da aposição dizem que falta medicamentos no Hospital, diretor rebate e diz que houve mal entendido.


Os vereadores da oposição de Lagoa Grande fizeram um levantamento do quadro que se encontra a saúde do município.  Segundo os parlamentares, foi constatado falta de medicamentos no Hospital Municipal. Fizemos uma visita e constatamos prateleiras vazias sem medicamentos necessários para o bom funcionamento da unidade.” Disse.

Em resposta, o Diretor Administrativo do Hospital, rebateu as declarações dos vereadores e disse que houve um mal entendido. Veja a nota na abaixo.

Venho através desse meio de comunicação, esclarecer o mal entendido que essa matéria tendenciosa está causando sobre o Hospital Municipal José Henrique de Lima. Na unidade não está faltando medicações, as medicações estão sendo usadas em seus setores, simplesmente não temos as mesmas em estoques. Porque vamos pedindo e solicitando conforme o uso e as necessidades!

Não adianta termos várias medicações em estoque, ocasionando gastos desnecessários, uma vez que medicações tem prazo de validade.

Agradeço a oportunidade!

Everaldo

Licenciado em Física pelo Instituto Federal do Sertão Pernambucano. Professor de matemática e física do Ensino fundamental e médio da rede estadual de Pernambuco. Jornalista registrado sob o número 6829/PE, o blogueiro Everaldo é casado com Amanda Scarpitta e tem como foco: informação com responsabilidade e coerência.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta