Em Petrolina, professores estão na bronca com a gestão do prefeito Miguel Coelho.

A “Gestão Novo Tempo” parece não gostar muito dos professores contratados, pois alguns relatos desses servidores não são dos melhores em relação a gestão. Fazendo um comparativo com o governo do ex-prefeito, Júlio Lóssio, professores passaram oito anos recebendo o retroativo e até bônus em dinheiro, por outro lado, na gestão do “Galeguinho”, este ano nem sinal do retroativo e nada de bônus. O retroativo seria correspondente a janeiro, fevereiro e março.

E aí fica a pergunta para a secretaria de educação: O retroativo dos professores contratados sai ou não? Por que do efetivo saiu!

O blog deixa o espaço aberto para a assessoria caso queira se pronunciar.

Everaldo

Licenciado em Física pelo Instituto Federal do Sertão Pernambucano. Professor de matemática e física do Ensino fundamental e médio da rede estadual de Pernambuco. Jornalista registrado sob o número 6829/PE, o blogueiro Everaldo é casado com Amanda Scarpitta e tem como foco: informação com responsabilidade e coerência.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta