Aprovação do Instituto do Vinho Tropical realizada em Vermelhos sinalizou curso superior de Enologia em Lagoa Grande

Produtores de vinho, comerciantes, secretaria de Educação, Univasf, Confrarias, EMBRAPA, IF – Sertão e  sociedade civil estiveram reunidos na última terça-feira na Enoteca, no povoado de Vermelhos, para elaboração do Estatuto que culminará na criação do Instituto de Vinho Tropical, que possibilitará a pesquisa científica de empreendimentos e a extensão de cursos superiores sobre tema enologia, além do mais, o instituto tem como foco fomentar o desenvolvimento da economia do vale do São Francisco.

O professor Deranor Gomes, representando a Univasf falou sobre o evento: “Esse é um momento histórico, um marco para o desenvolvimento aqui de Lagoa Grande. Esse Instituto, ele pode representar uma grande ferramenta que vai contribuir para o desenvolvimento da educação, do social, do turismo, da economia e do vinho, ou seja, é um instrumento para a sociedade captar recursos, possa aplicar esses recursos e trazer geração de renda e emprego. A universidade jamais poderia ficar de fora desse evento.”

O professor disse ao radialista Herlanio Souza que o curso que poderá será implantado em Lagoa Grande não poderá ser chamado de enologia ou agronomia, visto que o mesmo possuem três componentes, sendo: Introdução da Uva, processo do vinho e empreendedora inovadora. “Esse é o tipo de curso que não existe. Existe Agronomia, enologia, agora o curso que junta essas três, estamos até pensando qual será o nome desse curso, mas tudo isso foi pensando pela necessidade que Lagoa Grande possui hoje, que é capacitar todo o seu pessoal nestas três áreas”.

O próximo passo será convocar uma assembleia para a fundação do Instituto para escolher seus representantes, sua diretoria  e o conselho fiscal, após esse encontro sairá ata de registro. Vale destacar que a Secretaria de Educação de Lagoa Grande foi a responsável por toda organização do evento.

Everaldo

Licenciado em Física pelo Instituto Federal do Sertão Pernambucano. Professor de matemática e física do Ensino fundamental e médio da rede estadual de Pernambuco. Jornalista registrado sob o número 6829/PE, o blogueiro Everaldo é casado com Amanda Scarpitta e tem como foco: informação com responsabilidade e coerência.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta