Prefeitos dos municípios que integram o Conrio estão confiantes na unificação das eleições do Brasil

Na última segunda-feira (13), a Amupe (Associação dos Municípios de Pernambuco), realizou em sua sede uma reunião extraordinária para tratar de vários assuntos com a bancada federal, entre outros, a Previdência e os RPPS; Unificação de mandatos; 1% do FPM; Cessão Onerosa-exploração de petróleo e o Pacto Federativo.

Compareceram prefeitos de municípios de várias regiões do estado, do Vale do São Francisco estavam os quatro que integram o Conrio (Consórcio Intermunicipal do Vale do São Francisco). Humberto Mendes, prefeito de Santa Maria da Boa Vista e presidente do Conrio; Marcilio Cavalcanti, prefeito de Cabrobó; George Gueber de Orocó e Vilmar Cappellaro de Lagoa Grande.

Os deputados presentes na reunião e o senador Humberto Costa, manifestaram apoio à proposta de unificação dos mandatos e defenderam o pacto federal. No entanto, a reforma previdenciária divide a bancada pernambucana. Alguns se posicionam favoráveis à reforma e defendem que seja feita, outros se colocam contra e ainda acusa o governo federal de ser contra os trabalhadores.

O deputado João Campos (PSB) e o senador Humberto Costa (PT), fizeram discursos com o mesmo entendimento e se posicionaram incondicionalmente contrários à reforma. A dúvida fica por conta do comportamento do PSB, enquanto seu principal nome faz um pronunciamento inflamado de que seu partido é contra a reforma, o líder Tadeu Alencar defende que a previdência precisa de reajuste.

Pelo menos em um dos temas tratado na reunião da Amupe, todos foram unanimes e defenderam a unificação dos mandatos. Por conta do posicionamento dos deputados e do senador Humberto Costa, os prefeitos do Vale do São Francisco, Marcilio Cavalcanti; George Gueber; Humberto Mendes e Vilmar Cappellaro, saíram confiantes de que a proposta vai ser aprovada e só vai acontecer eleições em 2022.

Do blog do Didi Galvão

Compartilhar:

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *